segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Resenha: A Sereia - Kiera Cass

Olá pessoas, não estão lendo errado não, é resenha de livro nesse blog depois de taaaaanto tempo.


A Sereia 
Editora Intriseca, 323 pág.
Nota: ☆☆☆☆

A história vai ser narrada pela Kahlen, uma personagem doce e que eu me apeguei muito durante a leitura, que foi "salva" em um naufrago pela Água e em troca de sua vida ela precisa servir a Água por 100 anos trazendo vidas para alimentá-la. A Água é tratada como uma entidade, ela é um ser que da forças a Terra e aos humanos mas também precisa de forças para se manter.
O livro vai se dividir em duas partes: o primeiro capítulo (que eu tive um leve problema, falo mais tarde) que vai contar sobre como a Kahlen foi levada a Água e o restante da história que se passa 80 anos após os acontecimentos do primeiro capítulo. Acontece que Kahlen não é feliz com essa vida de trazer vidas para a Água, ela se sente culpada por tirar tantas vidas.
A história se desenrola com a Kahlen decidindo o que fará de sua vida quando for liberta da sua missão. Nesse meio tempo ela conhece um garoto, o Akinli, que quebra todos os planos de vida que ela tinha. Tendo em mente que ela nunca conseguiria levar uma vida com Akinli ela tenta a todo custo fugir desse amor mas isso acaba lhe custando muito caro.

Sobre a escrita da Kiera eu não tenho o que falar, é sempre impecável e confesso que eu me senti mais presa aos personagens desse livro que aos personagens de A Seleção. A mitologia que ela cria em torno da Água e das sereias também é muito bem desenvolvida.
O meu problema foi com o primeiro capítulo, eu senti que faltou um pouco de descrição da época em que ela vivia antes d'Água levar ela,  a história se passa 80 anos depois dela ir para a Água e eu não consegui imaginar muito bem a cena de quando o navio dela afunda. Não foi algo que me atrapalhou mas senti falta. E eu fiquei surpresa com a relação dela com a Água, eu pensei que ela fosse sentir raiva por prender ela e por ter levado a família dela (confesso que eu sentiria) mas elas tem uma relação bonita até. E essa relação só se mostra mais bonita e confusa ao longo do livro.
No geral é uma leitura leve mas muito tocante, um livro gostoso de ser lido. Eu li ele em quatro dias e estava no meio de uma ressaca literária beeeem pesada, se você também está numa ressaca eu indico esse livro :)



SKOOB: Mirian
INSTAGRAM: @mirianlays_
TWITTER: @mirianlays_

Nenhum comentário:

Postar um comentário